O ESTADO – A manchete de dois mil anos atrás

Estamos na Semana Santa, dias ideiais para reflexões mais aprofundadas. Que assim seja. Há oito anos, mais precisamente na última quinzena de março de 2005, lancei uma edição do meu jornal O ESTADO com uma manchete que mexeu com os leitores macapaenses e fez a alegria dos donos de bancas porque esgotou. Eu concebi essa manchete, O PERFIL DE UM TRAIDOR, em cima de uma história escabrosa que envolve CONSPIRAÇÃO CONTRA A ORDEM POLÍTICA, MALVERSAÇÃO e COBIÇA. Ao lado, separado por uma linha fina, veiculei uma chamada com foto do deputado federal Davil Alcolumbre, na época filiado ao extinto PFL. Quando o jornal foi distribuído, causou frisson geral. Todo mundo queria saber quem era o tal TRAIDOR. Seria o Davi? Quem sabe o Waldez? Ou o prefeito João Henrique? Qual nada! O TRAIDOR era JUDAS ISCARIOTES. Como estávamos na Semana Santa, aproveitei um estudo que eu vinha fazendo sobre este personagem, converti em texto jornalístico e “manchetei” o jornal com uma história de dois mil anos atrás. Eis a capa daquela edição histórica do jornal O ESTADO:

Jornal O ESTADO RED 500

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s