Batalha de Confetes do Largo dos Inocentes

Batalha dos ConfetesA Confraria Tucuju, por mais um ano, realizará na próxima segunda-feira (11 de fevereiro) a “Batalha de Confetes do Largo dos Inocentes”.
Trata-se de uma rememoração dos antigos carnavais e uma das poucas programações gratuitas e direcionadas, neste período, a todas as idades, principalmente aos saudosistas e crianças.
Terá duração das 18 horas a meia-noite, com apresentação da Banda Saca-Rolha, Paulo Bastos e suas Metaleiras, Banda Moara e outras surpresas ao público ressaltou o produtor cultural da entidade Zezinho Duarte.
HISTÓRICO: No início da década de cinqüenta, com a necessidade da construção de diversos prédios públicos em Macapá, muitos operários foram trazidos da vizinha capital Belém, que acostumados com o carnaval de rua, se reuniam nos finais de semana para falar de samba.
Até que, certo ano quando chegou o período de carnaval, Mestre Bené, José Vagalume e Mané de Souza entre outros, fundaram o bloco de sujos “Bandoleiros da Orgia”, que saia pelas ruas do Laguinho, Favela e Bairro Alto, assim iniciando o CARNAVAL AMAPAENSE.
Com o tempo foram surgindo outros blocos, que originaram as Escolas de Samba. As primeiras competições entre as escolas foram as BATALHAS DE CONFETE realizadas nos bairros da cidade e patrocinadas pelo comércio local. Entre as que se destacaram estão a do “Macapá Hotel”, do “Barrigudo” no Bairro do Trem, a do “Serrano” no Centro e do “Canta Galo” no bairro da CEA. Com o crescimento e a competitividade entre as agremiações existentes, a Prefeitura de Macapá oficializou o desfile das Escolas de samba na Avenida FAB em 1963.
ATUALMENTE: A Confraria Tucuju, dentro dos conceitos e valores que forjaram sua personalidade jurídica, tem um tratamento todo especial com os Projetos de rememoração e resgate de tradições amapaenses como as “Batalhas de Confetes”.
Iniciamos este resgate em 2004 com o lançamento do CD “Batalhas de Confetes – Memória do Carnaval”, na gestão do confrade Fernando Canto, que na ocasião pronunciou:
Trazer à tona estas pérolas do carnaval amapaense não foi tarefa muito fácil. Foi necessário espremer lembranças, cortejar fatos e instigar a memória de compositores e artistas que participaram do antigo carnaval amapaense, nas Batalhas de Confetes e festas de São José de Macapá.
O bom resultado do CD se deu graças a competência do maestro e arranjador Bebeto Nandes e ao apoio cultural da FUNDECAP. Por isso a Confraria Tucuju realiza mais esta peça de grande valor musical, onde estão contidos sambas e marchas que por muito tempo alegraram o carnaval de nossa gente
Hoje, com apoio do Governo do Estado do Amapá, damos continuidade com a “Batalha de Confetes do Largo dos Inocentes 2013”, uma iniciativa buscando valorizar nossas tradições, homenagear nossos Pioneiros e reconhecer o Largo dos Inocentes como Centro histórico e de convergências de todas nossas manifestações culturais, diz a Presidente da Confraria Telma Duarte.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s