Quando é que o Amapá vai virar Estado de verdade?

Caminhão carregado de toras de madeira subindo a ladeira

 

Há muito, mas muito mesmo para ser feito pelo Estado do Amapá. Sexta-feira, 14 de outubro, viajei para Pedra Branca do Amapari, a 217 quilômetros de Macapá, e a estrada de acesso ao município, mais de 120 quilômetros, está muito ruim. E isso, no período de estiagem das chuvas. A poiera produzida pelo tráfego de veículos embaça a visão dos motoristas, o que aumenta o risco de acidentes graves, e prejudica sobremodo a saúde das centenas de famílias residentes às margens da Perimetral Norte (foto de Gabriel Penha).
Os estragos causados aos pequenos veículos (automóveis) devido a buraqueira ao longo do percurso são inevitáveis. Trata-se de uma estrada em que descuidos, por menores que sejam, podem resultar em prejuízos incalculáveis. É um exercício de paciência, atenção redobrada e extremo cuidado. Eu já botei meu carro nessa gangorra maluca que muitos ainda teimam em chamar de “rodovia”. Foi de partir o coração o que aconteceu ao meu “celtinha”. Cada buraco – e foram muitos – em que ele caía batia fundo na alma.
É triste ver uma situação dessas. Parece que enterraram uma cabeça de burro no Amapá porque a “pisica” é tão grande que nada parece dar certo aqui. E olha que sai governo, entra governo e a coisa continua do mesmo jeito. É uns poucos apaniguados dos poderosos de plantão se dando bem, e a maioria, ou seja, nós, tomando na tarraqueta, sempre. E o desencanto aumenta mais conforme o tempo passa. E nem com reza braba a curica empina.
O que mais se vê é gente torcendo contra o Camilo. E dizendo que ele é responsável pela má qualidade da saúde pública. Falando que ele não deu jeito na segurança. Comentando que as estradas estão ruins porque o Camilo é culpado. Que o governo Camilo tá sem rumo. É muita porrada. E de gente que não tem nenhuma moral para criticar Principalmente a neo-oposição. Eu fico pensando: porra, o Waldez e o Pedro Paulo passaram oito anos nesse governo e não deram jeito na saúde, na educação, na segurança e o escambal a quatro, e agora os caras querem que em dez meses o Camilo dê jeito na merda que esses caras fizeram em oito anos. É muita sacanagem, né mesmo?!
É por isso que o Amapá tá emperrado. Não vai prá frente. Nem sai do lugar. Culpa desses merdas de políticos que só querem se locupletar. Vejam esses deputados e deputadas estaduais. Ganhando R$ 100 mil por mês para garantir as mordomias. E são todos, porque eu quero saber se a Cristina Almeida e o Agnaldo Balieiro, ambos do PSB, abriram mão dos R$ 100 mil! Se não fizeram isso, caramba, o governo Camilo já começa a preocupar. E os caras da oposição vão meter até o toco, e sem vaselina.

Anúncios

Um comentário em “Quando é que o Amapá vai virar Estado de verdade?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s