Mapeamento da corrupção

10/09/2010 – 16h46

Áreas com indícios de corrupção receberam R$ 800 mi do governo federal

DIMMI AMORA
DE BRASÍLIA

Folha.Com

A CGU (Controladoria Geral da União), que participou da operação Mãos Limpas no Amapá, apurou as seguintes irregularidades nos recursos públicos enviados ao estado: direcionamento de licitações com aquisições de veículos e equipamentos a preços superiores aos valores de mercado; sobrepreço na execução de obras e serviços de reformas em delegacias de polícia e do 2º Batalhão de Polícia Militar; inclusão de itens indevidos na composição do BDI em contratos para execução de obras; desvio de finalidade na aplicação de recursos de convênios; fraudes em licitações para contratações de empresas de serviços de vigilância e limpeza.

A operação Mãos Limpas levou à prisão o governador do Estado, Pedro Paulo Dias (PP), o ex-goverandor Waldez Góes (PDT) e outras 16 pessoas por suspeita de corrupção.

As áreas onde se descobriu as irregularidades receberam R$ 800 milhões de recursos federais em 2008 e 2009. Agora a CGU vai detalhar os processos para avaliar o valor do desvio.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s